Curiosidades - Publicado em 30.jun. 22

Em 2015, o bar Stonewall Inn foi declarado monumento histórico de Nova York; em 2016, tornou-se o primeiro monumento nacional aos direitos dos LGBT nos EUA — Foto: AFP

Todo mundo sabe que Junho é o mês do orgulho, mas você já parou para pensar o porquê? Se não, chegou o seu momento de descobrir aqui no Lesbocine.

Nas décadas de 1950 e 1960 os Estados Unidos tinham uma legislação anti-homossexual, já que práticas homossexuais foram consideradas crimes até 1962 em todos os estados do país. Mesmo 7 anos depois da descriminalização os bares frequentados por gays e lésbicas continuavam sendo atacados atacados e perseguidos pela polícia. No dia 28 de Junho de 1969 em Nova York, frequentadores do bar gay Stonewall Inn, resolveram se rebelar conta as atitudes homofóbicas da polícia de Nova York que  tinha o hábito de invadir bares e baladas gays para prender quem encontrasse no caminho, mesmo que a pessoa não estivesse fazendo nada de errado. Tal revolta criou o que, hoje, conhecemos como movimento LGBTQIA+; no dia seguinte ao tentar entrar novamente no bar para atacar um grupo de lésbicas que estavam no local, a policia foi contra-atacada e teve pedras, tijolos e moedas atirados nas viaturas.

Muitas são as incertezas sobre quem início essa revolta, mas acredita-se que foi a ativista transexual e drag queen Marsha P. Johnson.  As revoltas duraram 5 dias até serem contidas, nesse mesmo ano outras cidades dos Estados Unidos começaram a fazer esse “levante”, e um ano depois em 1970, aconteceram as primeiras passeatas do orgulho gay no país. No Brasil, o movimento LGBT começou a ser criado a partir da década de 1970.

Fontes: Correio Braziliense e G1.com





Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.